CPM encerra 3ª edição do Encontro pernambucano da prática instrumental do Frevo

CPM encerra 3ª edição do Encontro Pernambucano da Prática Instrumental do Frevo
Para encerrar a programação do III Encontro Pernambucano da Prática Instrumental do Frevo, o Conservatório Pernambucano de Música (CPM) promoveu uma mesa redonda para debater os Caminhos do Frevo – passado, presente e futuro. Na mesa estavam grandes mestres da velha e nova geração como Getúlio Cavalcanti, Jota Michiles, Maestro Ademar Araújo, Maestro Spok, Henrique Albino, Marcos FM, Edson Rodrigues e André Freitas, este último representando o Paço do Frevo.  O professor Leonardo Saldanha mediou o debate.

Imagens: Gil Menezes

Foram abordados temas como as gerações passadas da música popular pernambucana e o que nos aguarda neste quesito, processo de criação das letras e melodias, grandes festivais que eram realizados nas décadas 60 e 70, assim como a falta de investimento na cultura pernambucana de raiz. Para o professor Nino, idealizador do projeto, estes debates são valiosos para o aprimoramento e divulgação do ritmo. “O frevo vem perdendo espaço para produções que podemos chamar de ‘empacotadas para consumo’ na mídia e este evento é um meio de buscar alternativas, caminhos propriamente falando, para inflamar e divulgar este tipo de debate”, conta o professor.

Para o compositor Jota Michiles, falta a apropriação da cultura pernambucana quando o assunto é frevo. “Somos donos de uma diversidade cultural que nenhuma outra terra tem. O próprio frevo tem mais de uma modalidade: o frevo de rua, o de bloco e o canção. É preciso despertar na nova geração o sentimento de pernambucanidade para que a nossa cultura seja valorizada”, comenta.

Diego Rocha tem 36 anos, estuda o ritmo e participou de todas as atividades realizadas nesta semana. “Sou apaixonado pelo frevo, pela cultura pernambucana. Também toco maracatu e capoeira, o que me trouxe aqui foi a chance de aprender mais. Admiro muito o trabalho de Getúlio Cavalcanti, Maestro Spok e maestro Edson Rodrigues. Estou feliz por vê-los”, comenta o estudante.

Além da mesa redonda, o último dia de programação da 3ª edição do Encontro pernambucano da prática instrumental do Frevo contou também com oficinas e uma apresentação da Orquestra do maestro Duda.

Compartilhe nas redes sociais

LEIA MAIS

Música no Palácio recebe o Grupo Instrumental Brasil

Música no Palácio recebe o Grupo Instrumental Brasil ...
Leia Mais
/ Notícias

Palco Para Todos recebe a pianista Suzi Magalhães

Palco Para Todos recebe a pianista Suzi Magalhães ...
Leia Mais
/ Notícias

Edital disponível para cursos de Iniciação Musical e Curso Livre

Edital disponível para cursos de Iniciação Musical e Curso Livre ...
Leia Mais
/ Notícias

Pianista Grace Smith-Alves lança CD no Projeto Quartas Musicais

Pianista Grace Smith-Alves lança CD no Projeto Quartas Musicais ...
Leia Mais
/ Notícias