Ela vai estudar no CPM depois de aparecer numa matéria da Rede Globo

Ela vai estudar no CPM depois de aparecer numa matéria da Rede Globo

Assessoria de ComunicaçãoSob os olhares da cantora e madrinha musical Nádia Maia, a menina Pandora Calheiros, 7 anos, foi apresentada na manhã desta quinta-feira (28) à equipe de ensino do Conservatório Pernambucano de Música (CPM), onde vai estudar iniciação musical a partir do dia 2 de agosto. Durante o primeiro encontro, Pandora já deu uma mostra de seu dom musical e cantou canções como Asa Branca, acompanhada pelo diretor geral do CPM, Sidor Hulak, ao piano.O talento da garota ficou conhecido após uma reportagem da Rede Globo sobre escoteiros em Paulista, na qual Pandora cantou um trecho de música. A cantora pernambucana Nádia Maia, que acompanhava o programa no momento, revelou que ficou impressionada com a voz da menina. “Estava apenas ouvindo a reportagem quando ela começou a cantar. Fiquei encantada com a voz, o vibrato, a interpretação. Parece até que ela já faz aula de música”, afirmou a cantora. Ao identificar o jovem talento, Nádia, que já foi aluna do CPM, ligou para Sidor Hulak e pediu uma oportunidade para a garota. “Fico muito feliz em poder ajudar alguém com talento e que não tinha a oportunidade de desenvolvê-lo”, explicou Nádia. Para Sidor, o papel do CPM é o de ajudar Pandora a aprimorar o seu dom. “Estamos aqui para oferecer todas as ferramentas necessárias para ela desenvolver o talento que tem, para que possa, de fato, se tornar uma grande cantora. Nosso papel é o de investir na formação”, afirmou o diretor geral. Talento – O gosto pela música foi desenvolvido dentro de casa. Kátia Calheiros, mãe da garota, diz que a música sempre fez parte do ambiente familiar, sobretudo por influência do avô da menina. Pandora confirma o que a mãe diz ao citar suas duas cantoras preferidas: Maysa e Núbia Lafayette, importantes intérpretes da música popular brasileira nos anos 60 e 70. “Desde criança gosto muito de cantar. Estou muito feliz pela chance que Nádia e o Conservatório estão me dando”, disse a menina. Pandora vai estudar música pelos próximos cinco anos, entre a iniciação musical e o curso preparatório. “São cursos voltados para o aprendizado genérico da música, ainda sem foco específico em canto, embora ela já vá ter contato com aulas de solfejo e outras técnicas”, explicou a diretora de ensino do CPM, Roseane Hazin. Após isso, estará pronta para ingressar nos cursos técnicos para se tornar uma profissional da área. A mãe de Pandora classificou a oportunidade oferecida pelo CPM como “algo maravilhoso que aconteceu em nossas vidas, sobretudo na da minha filha”.

Compartilhe nas redes sociais

LEIA MAIS

Espetáculo “Musicais” encanta plateia no Teatro de Santa Isabel

Espetáculo “Musicais” encanta plateia no Teatro de Santa Isabel Compartilhe nas redes sociaisFacebookTwitterGoogle+ ...
Leia Mais
/ Notícias

Na palma da mão: Conservatório Pernambucano de Música lança aplicativo

Na palma da mão: Conservatório Pernambucano de Música lança aplicativo Compartilhe nas redes sociaisFacebookTwitterGoogle+ ...
Leia Mais
/ Notícias

Confira a agenda de Setembro

Confira a agenda de Setembro Compartilhe nas redes sociaisFacebookTwitterGoogle+ ...
Leia Mais
/ Eventos

Conservatório Pernambucano de Música encerra comemoração dos 89 anos com concerto erudito

Conservatório Pernambucano de Música encerra comemoração dos 89 anos com concerto erudito Compartilhe nas redes sociaisFacebookTwitterGoogle+ ...
Leia Mais
/ Notícias